top of page

Pintar unhas dos pés para evitar fungos, como faz CR7, realmente funciona?

Uma foto publicada ontem por Cristiano Ronaldo chamou a atenção por um detalhe: o português estava com as unhas dos pés pintadas. O motivo? Segundo o jornal Bild, ele adotou a prática para se proteger de fungos e bactérias. Funciona?

Veja o que dizem especialistas Mariana Galhardo Tressino, dermatologista e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia: "Desconheço que apenas um esmalte escuro comum possa tratar ou prevenir presença de fungos nas unhas. O que pode existir é o fato de [o Cristiano Ronaldo] estar usando algum medicamento antifúngico embaixo disso. Esses medicamentos são sensíveis à luz do sol, daí a necessidade de passar um esmalte escuro por cima." Victor Bechara, dermatologista e professor de Cosmiatria e de Doenças Dermatológicas da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ): "Usar esmaltes [de maneira indiscriminada] pode ser um perigo para o desenvolvimento de fungos e infecções bacterianas nos pés e unhas. Nestes casos, recomenda-se evitar esmaltes com cor durante o tratamento de micoses de unhas, pois isso pode mascarar e até atrapalhar o acompanhamento. O uso de esmaltes com antifúngicos incolores deve ser reforçado, associado ou não (a depender de cada caso) com tratamentos orais, ou até mesmo a laser."

Cristiano Ronaldo preserva seus pés desta forma há anos. O jornal Sport publicou, em 2016, que o jogador pinta as unhas dos pés desde sua primeira passagem pelo Manchester United — que foi de 2003 a 2009. O jogador está de férias depois de encerrar a temporada atuando pelo Al-Nassr, da Arábia Saudita. Nas últimas semanas, ele atuou com a seleção de Portugal nas Eliminatórias da Eurocopa.

3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page