top of page

Cássio desabafa após derrota do Corinthians: "Se sou culpado, de repente é o momento de sair"

O goleiro Cássio desabafou após a derrota do Corinthians para o Argentinos Jrs. nesta terça-feira, pela 3ª rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana. O arqueiro não escondeu que vem cometendo falhas, mas entende que virou alvo de todos os problemas do Timão. "Se eu sou o culpado, de repente é o momento de sair e seguir meu caminho", chegou a falar o ídolo do Alvinegro.


"A cobrança faz parte. Mas não pode passar do limite, da falta de respeito. Sou um dos mais velhos, sabia que a cobrança seria grande. Errei em alguns gols? Errei sim. Mas parece que tudo de errado no Corinthians é culpa minha. Se eu sou o culpado, de repente é o momento de sair e seguir meu caminho", disse Cássio à ESPN.



“Eu sou o capitão do time, jogador mais velho, estou aí. Eu sou ser humano, erro, não me eximo de erro, falo mesmo. Se eu estiver atrapalhando o Corinthians… Para mim está muito difícil. Tudo de errado acontece, e tudo sobra para mim.Sou honesto no que eu falo. É um momento difícil, temos que abrir o olho. Esse começo de temporada tem que servir de aprendizado. Temos que melhorar essa situação", complementou Cássio. O goleiro falhou no gol marcado por Gastón Verón, do Argentinos Jrs., logo aos dois minutos de jogo. Cássio vem sendo criticado por torcedores por conta de suas recentes atuações e ainda não acertou sua renovação contratual com o clube. Seu vínculo é válido apenas até o final do ano.



Ainda em contato com a imprensa, Cássio disse que está buscando ajuda de psicólogo nesse momento conturbado e reforçou que está cansado com o direcionamento de todas as críticas para ele.


"Estou indo até em psicólogo, psiquiatra, porque está f***, velho. Difícil. Estou apanhando que nem um cachorro. Não me eximo de falha, hoje tomei um gol defensável. Mas às vezes é difícil, estou pagando a conta há muito tempo. Time não fazer gol deve ser culpa minha também. Desculpa o desabafo, mas às vezes enche os saco. Se esse for meu último ano no clube, tudo bem, sou muito grato, tudo que vivi aqui, maravilhoso. Mas às vezes cansa. Sou um ser humano, e se tem uma coisa que nunca faltou de mim foi trabalho e empenho por essa instituição", disse o goleiro ao SBT.


Com a derrota para o Argentinos, o Corinthians caiu para a 2ª colocação do grupo F da Sul-Americana, com quatro pontos. Os hermanos assumiram a liderança, com seis unidades. Racing-URU (quatro) e Nacional-PAR (zero) se enfrentam na quinta-feira, no Paraguai, e completarão a rodada.


O próximo jogo do Corinthians será contra o Fluminense, na Neo Química Arena. A bola rola no domingo, às 16 horas (de Brasília).

4 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page