Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Rivais crescem, e São Paulo vê chance de título cair para 39%; Botafogo tem 98% de risco de cair - Nova Regional 89,5 FM

Fale conosco via Whatsapp: +55 15 998557714

No comando: Regulamento da Promoção

Das às

No comando:

Das às 11:20 - 15:20 - 20:20

No comando:

Das 00:00 às 05:00

No comando:

Das 06:00 às 09:00

No comando:

Das 09:00 às 12:00

No comando:

Das 10:00 às 13:00

No comando:

Das 12:00 às 13:00

No comando:

Das 13:00 às 17:00

No comando:

Das 16:00 às 17:00

No comando:

Das 17:00 às 19:00

No comando:

Das 20:00 às 23:00

Rivais crescem, e São Paulo vê chance de título cair para 39%; Botafogo tem 98% de risco de cair

A rodada 30 do Campeonato Brasileiro aproximou as equipes do pelotão de cima e “bagunçou” as chances de título entre os clubes postulantes à taça, de acordo com as projeções do site Infobola, do matemático Tristão Garcia.

O São Paulo, ainda líder, viu a distância para o vice-líder Internacional cair para apenas um ponto, e às vésperas de um confronto direto na próxima quarta-feira, no Morumbi. As chances do Tricolor caíram de 52% para 39% após o empate por 1 a 1 com o Athletico, no domingo, enquanto as do Colorado subiram de 19% para 26% depois da vitória por 4 a 2 sobre o Fortaleza.

Atlético-MG, Flamengo e Palmeiras, que venceram Atlético-GO, Corinthians e Goiás, respectivamente, também começam a “gostar” mais da reta final do Brasileirão.

Na parte de baixo da tabela, o Coritiba deu uma leve respirada com a vitória sobre o Vasco, mas ainda tem 93% de risco, enquanto o Botafogo está ainda mais perto da Série B e continua com 98%. Goiás, com 85%, e Bahia, com 42% e que não jogou nesta rodada, também seguem em perigo.

Chances de título

São Paulo – 39%
Internacional – 26%
Atlético-MG – 16%
Flamengo – 9%
Palmeiras – 6%
Grêmio – 4%

Risco de rebaixamento

Botafogo – 98%
Coritiba – 93%
Goiás – 85%
Bahia – 42%
Fortaleza – 30%
Sport – 25%
Vasco – 21%
Atlético-GO – 3%
Bragantino – 1%
Ceará – 1%
Atlético-PR – 1%

Vaga no G-4

São Paulo – 91%
Internacional – 86%
Atlético-MG – 73%
Flamengo – 53%
Palmeiras – 50%
Grêmio – 37%
Fluminense – 5%
Santos – 4%
Corinthians – 1%

Deixe seu comentário: